Timor-Leste

Timor-Leste

Em 2010 o Gabinete da Rede de Bibliotecas Escolares lançou, em articulação com o Plano Nacional de Leitura, um projeto em Timor-Leste visando a integração na RBE da Escola Portuguesa Ruy Cinatti, de Díli (EPRC) e a criação e desenvolvimento de bibliotecas escolares e outras iniciativas de promoção da leitura em escolas timorenses.

A primeira visita da RBE/PNL a Timor-Leste realizou-se nesse ano, tendo-se então dado início a um trabalho traduzido na assinatura, em abril de 2010, de um Protocolo de Cooperação Bilateral entre o Ministério da Educação de Portugal e o Ministério da Educação de Timor-Leste (METL).

Esta parceria, estreitada desde então, tem sido levada a cabo de forma sequencial e progressiva, beneficiando do envolvimento e mobilização dos vários intervenientes.

1ª fase de intervenção (2010-11)

A intervenção realizada nesta fase traduziu-se nas ações seguintes:

integração da Biblioteca (BE) da EPRC no Programa RBE, reapetrechamento e informatização do seu fundo documental e formação da respetiva equipa e de outros docentes;

lançamento do Projeto Ler+ em Timor-Leste, com o apoio da EPRC, através da organização e circulação de 216 maletas e um fundo total de mais de 30 mil documentos, abrangendo agrupamentos da rede escolar dos vários distritos de Timor-Leste e um número progressivamente maior de escolas públicas e privadas;

arranque das escolas de referência (antigos polos distritais da EPRC), com bibliotecas fixas em Baucau, Ermera, Manufahi, Bobonaro e Oe-cusse, ficando criadas as condições-base para a estruturação de uma Rede de Bibliotecas Escolares de Timor-Leste (RBETL);

 realização do 1º curso de formação intensiva, que reuniu professores e diretores dos cinco distritos que integraram o núcleo inicial da RBETL;

destacamento de uma docente da EPRC que assegura, em estreita colaboração com o METL,  a gestão e itinerância das malas do Projeto Ler+ em Timor-Leste, a formação aos docentes e outros profissionais e o acompanhamento e monitorização de todo o processo.

2ª fase de intervenção (2012-13)

O ano de 2012 foi marcado por uma nova missão internacional da RBE/PNL.

De entre as ações relevantes, destaca-se a aprovação do Diploma Ministerial nº 7 de 12 março de 2012 , instituindo formalmente as bibliotecas escolares como uma medida de política educativa do METL.

O diploma define os princípios e os requisitos básicos da RBETL no que concerne: a) instalações e equipamentos; b) fundos documentais; c) recursos humanos e formação; d) processos de gestão e funcionamento; e) estabelecimento de parcerias.

Concomitantemente, foram lançados, em articulação com o Instituto Nacional de Formação de Docentes e Profissionais da Educação (INFORDEPE) e o apoio da EPRC, novos cursos de formação; 25 técnicos do METL frequentaram um curso de 50 horas e realizou-se, pelo segundo ano consecutivo, o 2º curso intensivo de formação dirigido a professores e diretores das escolas a envolver no projeto.

Deu-se ainda continuidade ao desenvolvimento sustentado do Projeto Ler+ em Timor-Leste, que passou a abranger os distritos de Baucau, Díli, Ermera, Manufahi, Bobonaro, Liquiçá e Oe-cusse, num total de 40 escolas.


Veja também: Timor-Leste 2010/11; Timor-Leste 2012/13
NOTÍCIAS